quinta-feira, abril 21, 2011

A kiss with a fist is better than none

Eu tinha me esquecido por completo o quão reconfortante é simplesmente ficar largada diante do computador descobrindo músicas. Deixar uma coisa levar à outra, deixar o ouvido decidir se quer aquele carinho, dar uma dançadinha e cantar gritando (desculpem, vizinhos) as músicas aprovadas.

Tem gente que precisa correr, se exercitar, pra ficar bem. Tem gente que precisa meditar. Eu preciso disso. Descobrir novos amores auditivos de vez em quando, pra me lembrar que enquanto existirem ruivas esquisitonas com voz de paraíso, não há tormento que me derrube. Minha mais nova paixão é Florence and the Machine, que ficou famosa por ter conquistado até bebezinhos. Eu, particularmente, a amo por esfregar verdades em minha cara de maneira tão linda.

Gone all the days of begging
The days of theft
No more gasping for a breath
The air has filled me head-to-toe
And I can see the ground far below
I have this breath
And I hold it tight
And I keep it in my chest
With all my might
I pray to God this breath will last
As it pushes past my lips
As I gasp! Breathe!


Sim, eu amo a Florence. Mas esse post devia ter ido por outro caminho, pelo caminho aberto pelo título dele (que é trecho de outra música dela). Perdi a coragem no meio da madrugada. Vamos falar apenas de música e está muito bom.

terça-feira, abril 12, 2011

Tifíceo

sábado, abril 09, 2011

Bitch, please



Daqui pra frente é na base do aceno.