quinta-feira, dezembro 27, 2001

Adeus amor, eu vou partir, lalala-la-la-la.
É isso aí. Hoje, só no ano que vem!!
Que todo mundo tenha ótimas entradas e que ninguém se esqueça da vaselina.
Adeus bloguer velho!
Não tem jeito mesmo.
Quando a gente perde o tesão por uma coisa não adianta inventar, ficar fazendo tentativas, dar uma de desencanada. Não resolve. Quando acaba o tesão, fudeu.
Aliás, eu acho que quanto mais a gente tenta, pior fica.
Eu não sei se pode ficar pior: no momento eu preferia estar furando meu olho com um prego enferrujado do que isso aqui. Minha gente, que merda.
Eu acho que o blogs ainda não está funcionando direito por causa da invasão de ontem. Que saco.

quarta-feira, dezembro 26, 2001

Eu não gosto de natal mas o desse ano até que foi bom.
Meus sobrinhos lindos estão começando a gostar de música boa (esse ano pediram o CD do Gorillaz!!) e me ensinaram a jogar videogame até as 6h00 da manhã. Meu mini-sobrinho coisa mais linda desse mundo deu um show de samba no pé e me fez mijar de rir. Fora minhas irmãs que falam-falam-falam-falam pelo ano inteiro numa noite só.
Namorei muito, o que sempre me deixa contente. Gordo acertou mais que na mosca nas coisas que me deu (e no tamanho tbm, tudo serviu), e no cd do Orishas ma-ra-vi-lho-so que não paro de ouvir

sexta-feira, dezembro 21, 2001

É isso aí, faço minhas as palavras de Kellão queridão. Não mandei cartão pra ninguém mas amo todo mundo. Que o Natal de vocês seja só alegria!!!
Me dei conta que, só esse mês, me livrei das duas coisas que mais empatavam a minha vida e tiram meu sono há anos: a faculdade (o Cu no Queixo, mais especificamente) e a auto-escola (façam aula na dona auto-escola Objetiva. Ela é realmente um amor de auto-escola.). Eu acho que só isso já serve para eu dizer que fechei bem o ano.
TIREI MINHA CARTA DE MOTORISTAAAAAAAAAAAAA!!!!!!
Nem acredito que rolou!!! Minha baliza ficou simplesmente... perfeita. Estacionei e saí na rampa como se já dirigisse há anos. Dei todas as setas. Não deixei o carro morrer NENHUMA vez. Andei bem pouquinho em ziguezague. Foi tudo muito lindo. Tão lindo que até apagou o fato de eu ter esquecido de pisar na embreagem para engatar a marcha ou ficar tentando botar a segunda com o carro já em segunda ou ficar quase sem controle das pernas de tanto que tremiam. Isso são apenas detalhes que o examinador nem percebeu. Ai que alívio. Agora só falta mesmo é aprender a dirigir, porque tirar carta eu já aprendi.

quinta-feira, dezembro 20, 2001

Sério, bateu um bode.
Acho que preciso ir na astróloga.
E a maldição de Suzete faz mais uma vítima.
Mais uma chefe minha está indo embora. É a quarta, gente. QUARTA. Estou ficando muito cismada com isso, de verdade. Sei lá. Se acontece uma vez, tudo bem. Duas, que pena. Três, opa. Mas quatro?????
Tudo bem que TODAS elas foram fazer coisa mais legal, se deram bem e coisas, mas a gente sofre né? Dói, viu... Tenho pena do próximo que vai ocupar o cargo, vou fazer um bolão. Eu acho que ele dura até o carnaval (contando que cada vez eles tem durado menos no cargo...)
Enfim, eu não me apego a mais ninguém. Vou fechar meu coraçãozinho sofredor para balanço. E agora me dá licença que eu vou sofrer trabalhando.
Achei um croissant de chocolate que estava esquecido há 3 dias na minha gaveta. Comi e estava bom. Vamos ver o que vai acontecer na minha barriga. Experiências novas sempre são válidas.
Cago de rir toda vez que recebo isso por e-mail. É nerd, mas é engraçado:

HINO DO INTERNAUTA DOIDÃO
O vírus dos pilantras às mouses plácidas
De um ponto.com um browser retumbante
E o uol da liberdade em disco rígido
Brilhou no excell da página nesse scanner
Se open Word deu invalid
Conseguimos formatar no Macintosh
Enter save, ó megabyte,
Desafio o nosso site à própria soft
Ó dábliu-dábliu-dábliu atalho, cyber! cyber!
Brasil, um povo on line, honrai os links,
De amor e de esperança download desce
E em teu formoso excell risonho e windows
A imagem do e-mail à tela address
Gigabyte pela própria netscape
És belo, és forte até quando és moroso
E o teu cursor speedy essa tua senha,
Tecla adorada,
Entre outras news, eu imprimi,
Ó pasta amada,
Dos Zip deste Bol esc mãe Pentium
Fax modem, Brasil!

quarta-feira, dezembro 19, 2001

Alo garotada, quem quer dar gargalhada?
Não deixe de clicar em "fãs virtuais" (????) e nas fotos.
Socorro.
Acabei de ver o trailer de "Homem-Aranha" e fiquei com medo. Tenho medo de transformarem meu herói favorito em um adolescente apaixonado idiota. Sei lá.
Ou melhor:
EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!! EU ME FORMEI!!!!!
EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!! EU PASSEI DE ANO!!!!

terça-feira, dezembro 18, 2001

Acabei de fechar meu ano-novo e estou muuuuuuuuuuuuuito feliz!!!!
Vou passar com meu círculo de amizades falso e vazio e maravilhoso e diliça!!!!!
Domingo passado o Gordo me levou pra dirigir o chevas. Morri de medo, claro, pois meu namorado consegue ser mais chato que o meu pai em se tratando de carro. Mas precisava da aula, fui. Ele até que foi bonzinho e paciente e fingiu não ligar todas as 848 vezes que eu deixei o carro morrer ou passei raspando na lombada. Eu só notei que ele estava nervoso porque seu rosto adquiriu uma tonalidade levemente azulada.
Bom, daí eu tava lá dirigindo à 20 km/h quando vi que tinha uma pomba na pista.
"Benhê, tem uma pomba na pista, vou frear"
"Não, não freia não. Pode ir que a pomba é mole, não vai estragar o carro"
Fui mas não passei em cima da pomba. Atropelar pomba é uma das coisas mais difíceis do mundo. Elas sempre voam na última hora. A campeã é a minha tia, que atropelou três pombas de uma vez só. Recorde absoluto.
Mais umas voltinhas, troca a marcha, morre, liga o carro de novo e tal, aparece um velhinho fazendo cooper.
"Benhê, tem um velhinho na pista, agora vou mesmo frear"
"Ai Suzana, pára com isso, vc é muito medrosa. Já num falei que é mole? Pode ir que o velho é mais mole que a pomba. Além disso, funilaria é baratinho. Põe terceira!!!"
Pois é.
Esse blogs é uma díliça!!!
Adoro aquele cabeça de abóbora!!!!

segunda-feira, dezembro 17, 2001

Às vezes eu penso que certas coisas que me aconteceram foram péssimas, horríveis e nojentas e porcas porque eu chorei e fiquei mal por causa delas. É o tipo da coisa que eu não gostaria de contar para ninguém mas acabo contando para todo mundo. Mas daí o tempo passa, passa, passa e uma amiga volta de um lugar longe e pede para vc contar a história de novo porque ela não soube na época em que aconteceu. Daí vc começa a contar e tem um acesso de riso no meio da história porque se liga do tremendo ridículo que foi toda aquela situação.
Coisa mais esquisita.Sem eu perceber, um episódio de "Days of our lives" da minha vida virou "Os Trapalhões". Bom, melhor assim, né?
Estou gripando.
Daí fico fazendo vários barulhos entre tosses, espirros, escarros e cantorias o dia todo. Meus vizinhos de baia não são exatamente as pessoas mais felizes do mundo. E cada vez que eu falo baia eu me sinto um cavalo. Saco.
Hoje eu vi o Cazé, aquele que era VJ da MTV e depois virou loser da Globo. Estava carregando umas caixas de peixe cru no shopping Eldorado. Que triste que é a vida né? Num dia vc é um famoso, aparece na televisão, dá autógrafo e chilique no restaurante. No outro, carrega caixas de peixe cru fedorento.
Descobri que dá para colocar a lente de contato nos dois olhos em menos de dois minutos, sem dor, sofrimento ou cegueira temporária. Sou uma mulher muito mais feliz agora.
Finalmente acabei minhas compras de Natal. Acho que vai dar para fazer o Natal das minhas crianças (inclua aí Gordo, mãe e pai) mais feliz. E viva o décimo terceiro.
E viva a Casa dos Artistas.

sexta-feira, dezembro 14, 2001

Eu gosto de caganeira.

Definitivamente essa foi a frase do dia.
Achei o CD do Mr. Hankey, o cocô de natal.
Ai, preguiça marvada. Tanta coisa para fazer e eu aqui nessa inércia.
Ontem assisti "Monsters Inc": fofo, fofo, fofo!!!!! Não tem outra palavra, é fofo.
Ri horrores, adorei mesmo. Quero ganhar bonequinhos do Sulley no Natal.
O Gordo disse que o Sulley é a cara dele. E o pior é que é mesmo.
Almocei com a Fernanda no ofurô do Almanara. Deram até um bipe pra gente esperar nossa vez. Foi muito fino.
Gente, será que não vai parar de chover nunca mais????

quinta-feira, dezembro 13, 2001

Funcionária do mês (se isso fosseo Mac' Donalds minha foto entrava aqui)
Se hoje tivesse reunião de metas eu tirava dez com estrelinhas. Mas só se contasse só hoje, claro.
Hoje tá dando tudo tão certo que estou até meio com medo. Acho que o seu Murphy ficou doente.
Hoje foi a primeira aula na dona auto-escola objetiva. Foi ótimo. Eu sou muito ruim de direção e o instrutor é muito capiau, mas me diverti. A verdade é que dirigir é uma delícia e eu só digo que odeio dirigir porque tenho vergonha de não ter tirado a carta até agora. Mas tudo vai mudar, vocês vão ver.

quarta-feira, dezembro 12, 2001

Opa!!!
Seis da tarde e a rede resolveu voltar. Sistema filho de uma corna, morra.
Vidinha de merda.
Hoje é o dia que o universo resolveu comer cocô.
Logo de manhã, meu isqueiro estourou no meu bolso e me encharcou de fluído, o que não foi uma coisa bonita. Fiquei com medo de explodir. Chego na firma fedendo e descubro que o seu WBrasil foi sequestrado e desconfio que isso vai me dar trabalho.
Volto feliz e contente do almoço e a rede está fora do ar. Tudo bem, vou tratar umas fotos. O programinha das fotos pifou também. Caralho, então vou subir os clippings. Não dá, os clippings tbm estão fora do ar. Peço ajuda aos webmasters e percebo que os dois estão menstruados.
Sento e choro porque não me resta mais nada a fazer.
Puta que o pariu, buceta, porra, caralho, cu, bosta, cacete e merda

terça-feira, dezembro 11, 2001

Ô psit, dá uma olhada nisso aqui!!
O Rafa curtiu o CD novo do Los Hermanos. Definitivamente estou num universo paralelo!!!
Marquei a primeira aula na auto-escola para quinta-feira às 11h00. Aconselho à todos não saírem de casa nesse horário.
Meu Vavá está todo queimado de sol (liiiiiiiiiiindo), de carro novo, bem-humorado e sem barba.
Fiquei em dúvida se aquele menino era mesmo meu namorado.
Retrospectiva 2001
Como a internet modificou a minha vida!


Estive fazendo um levantamento de todas as baboseiras que me enviaram pela
Internet e observei como elas mudaram a minha vida:

- Primeiro deixei de ir a bares e bailes com medo de me envolver com alguma
mulher ligada a alguma quadrilha de ladrões de órgãos e que me roubem as
córneas , me arranquem os dois rins ou até mesmo esperma deixando-me
estirado dentro de uma banheira cheia de gelo com uma mensagem: "Chame a
emergência ou morrerá".

- Assim deixei também de ir ao cinema com medo de sentar-me em uma poltrona
com seringa infectada com o vírus da AIDS.

- Depois parei de atender ao telefone para evitar que me pedissem para
digitar *9 e minha linha ser clonada e eu ter de pagar uma conta telefônica
astronômica.

- Acabei dando o meu celular porque iriam me presentear com um modelo mais
novo da Ericson que nunca chegou. Então tive de comprar outro mas
abandonei-o em um canto com medo que as microondas me dessem câncer no
cérebro.

- Deixei de comer vários alimentos com medo dos estrógenos. Parei de comer
galinha e hambúrgueres porque eles não são mais que carne de monstros
horríveis sem olhos, cabeludos e cultivados em um laboratório.

- Deixei de ter relações sexuais por medo de comprar preservativos furados
que me contagiem com alguma doença venérea.

- Aproveitei e abandonei o hábito de tomar qualquer coisa em lata para não
morrer pela urina de rato.

- Deixei de ir aos shoppings com medo que seqüestrem a minha mulher e a
obriguem a gastar todos os limites do cartão de crédito ou coloquem alguém
morto no porta malas do automóvel dela.

- Eu também doei todas minhas poupanças à conta de Brian, um menino doente
que estava a ponto de morrer umas 700 vezes no hospital.

- Eu participei arduamente em uma campanha contra a tortura de alguns ursos
asiáticos que tinham a bílis extraída, e contra o desmatamento da floresta
amazônica.

- Fiquei praticamente arruinado financeiramente por comprar todos os
antivírus existentes para evitar que a maldita rã da Budweiser invadisse o
meu micro ou que os teletubies se apoderassem do meu protetor de tela.

- Deixei de fazer, tomar e comer tantas coisas que quase morro desnutrido.

- Cansei de esperar junto a minha caixa de correio os US$ 150.000 que a
Microsoft e a AOL me mandariam na participação de rastreio de e-mails
enviados.Nem tampouco chegou o telefone Ericson muito menos a passagem para
a Disneylândia.

- Quis fazer o meu testamento e entrega-lo ao meu advogado para doar os
meus bens para a instituição beneficente que recebe um centavo de dólar por
cada pessoa que anota seu nome na corrente pela luta da independência das
mulheres no Paquistão, mas não pude entregar porque tive medo de passar a
língua sobre a cola na borda do envelope e me contaminar com as baratas
incubadas nela, segundo me haviam me informado por e-mail.

- Também não ganhei um milhão de dólares, um porshe e nem fiz sexo com a
Nicole Kidmann, que foram as três coisas que pedi como desejo quando
recebi e encaminhei o Tantra Mágico enviado pelo Dalai Lama lá da Índia.

- E como se não bastasse acabei acreditando que tudo de ruim e de injusto
que me aconteceu é porque quebrei todas as correntes ridículas que me
enviaram e acabei sendo amaldiçoado.

Resultado: estou em tratamento psiquiátrico.

Não se deixe influenciar pelas baboseiras.
Delete-as.
Se até as baleias podem ser salvas por que não a Internet?







Tem gente que pensa que o icq da gente é penico mesmo, como já bem disse a Alexandra. Todo dia recebo mensagens escrotas mas essa foi campeã:

Anjo Eureka: (10:38 AM) Oi gatinha, sou de Belo Horizonte MG...estaria a fim de teclar um papo excitante???

Haja dedo pra tanto ignore user...

segunda-feira, dezembro 10, 2001

Promirim: sol, areia branquinha e fofinha, cerveja trincando, água de côco, mar sem onda quase uma piscina, jogo de drunk-porco (foi o Digãããão!!!), dormir debaixo da árvore e ouvir uns reggae velhuscos.
São Paulo: chuva ácida, ratos do tamanho de cães, assaltantes, trânsito, fedô do rio Pinheiros, vento, lixo, poeira, merda e lama.
Blaaaaaaaahhh

Bom, pelo menos hoje vou ver o meu Vavá.
Olha só!!!!
E não é que Cleide Joelma ressucitou das trevas e resolveu me mandar um e-mail?
Nunca ri tanto na minha vida.
Gente, as pessoas tem que se ligar que a frase "e fulano, como vai?" tem o mesmo efeito de "Passa lá em casa um dia desses". Tipo, vc só pergunta por educação mesmo, quando está falando com uma pessoa que não tem muito papo e tal. Isso é que dá ser educada, vc acaba fazendo as múmias saírem da tumba e tem o maior trabalho pra enfiar elas lá dentro de novo, porque as bichas são teimoooooooosas.
Então fica combinado assim tá: quando eu perguntar "E beltrano, vai bem?" quer dizer que o papo não tá bom e eu não lembrei de nada melhor pra falar. Pode ser?
Mas é sempre bom saber que tenho leitores fiéis!! Continuem conosco!!

sexta-feira, dezembro 07, 2001

Ai, estou me sentindo a pior das criaturas. Lucíola, minha melhor amiga do mundo, que eu amo de todo meu coração chegou ontem, depois de nove meses em outro continente e eu não vou estar aqui no final de semana para ve-la.
Tomara que deus não castigue.
Será que se eu me enfiar embaixo da mesa agora pra tirar uma soneca alguém vai perceber???
Tiro ao álvaro
Adoniran Barbosa


De tanto levar
frechada do teu olhar
meu peito até parece sabe o que?
Táubua de tiro ao álvaro
não tem mais onde furar

Teu olhar mata mais do que bala de carabina
que veneno estricnina
que peixeira de baiano

Teu olhar
mata mais que atropelamento de automóver
mata mais
que bala de revólver

De tanto levar frechada do teu olhar
meu peito até parece sabe o que?
táubua de tiro ao álvaro
não tem mais onde furar

quarta-feira, dezembro 05, 2001

Até que enfim a o Lúcio Ribeiro prestou pra alguma coisa!!!! Olha só, olha sóoooooooo!!!:

A velha e boa "Friends", que há muito anda meia-boca, teve um momento inspiradíssimo na semana passada, no "capítulo da fita". Foi demais. Graças a um amigo que chegou de Nova York recentemente, vi também o "Friends" especial do feriado de Ação de Graças. Tem o Brad Pitt na parada e também é legal. A história é que ele era gorducho no colégio. E a Rachel, bonitona, maltratava o pobre rapaz, que por vingança fundou o fã-clube I Hate Rachel. Adivinha quem era do fã-clube, também?

Esse "Friends" passa no Brasil, segundo a Warner, no especial de Natal.



Puts fazia tanto tempo que não me chamavam de Bridget...
Fico feliz em saber que, mesmo estando chata, continuo parecendo com ela.
Tem dias que só um "Noooooooossa, ce tá de parabéns hein, princesa" bem alto no meio da rua pra levantar nosso astral.
Não faço idéia de como fui na prova. Copiei tudo da Fernanda e me senti na oitava série.
O pavor das provas de matemática me acompanha desde a primeira série do ensino básico. Nunca soube fazer conta, só sei de cor a tabuada do dois e do cinco e não sei fazer conta de dividir até hoje. Desde a sexta-série que fico de recuperação em matemática direto. Por isso é que fui fazer jornalismo, pra não ter que fazer conta. Naquela época, a desculpa que eu usava é que nunca na minha vida ia precisar usar aqueles cálculos retardados, portanto, não precisava saber fazer. E nunca usei mesmo.
Agora posso passar mais um ano na Cásper porque não sei onde entra um GC numa lauda. Isso é inacreditável. Se algum dia, e que deus me livre dessa maldição, eu precisar trabalhar em televisão, garanto que aprendo a fazer uma lauda em dois tempos. Mas não aprendo nada que aquele puto fala. Ai que saco. Tou muito na oitava série, ansiosa pra ver a nota. Essa noite sonhei com a prova. Aaargh, não aguento mais.
Lavi tanto chiou que só o Zeitgeist aparecia na coluna social que acabou indo parar lá também!!!!
Daqui a pouco tá todo mundo na Hebe.

segunda-feira, dezembro 03, 2001

Estou fodida.
Amanhã eu tenho a última prova da única matéria que ficou pendente na facul. O fato é que se apareci na aula daquele cu no queixo do Everton umas 4 vezes esse ano, foi muito. Outro fato é que existe um livro que tem TODAS as respostas da prova e que eu devia ter comprado no começo do ano passado e não comprei até hoje. Está alugado na biblioteca da Cásper, lógico.
Enfim. I'm fuck and bad pay.

sexta-feira, novembro 30, 2001

Tem dias que só ligando o botão do FODA-SE mesmo. Foda-se bem grandão.
Foda-se. Eu vou pra casa.
Reparem que a bolha pisca.
Eu dou um doce para quem descobrir quem é a bolhita!!!!
E o George se foi.
Quem mandou regravar a Anna Julia? Não sabia que Deus castiga não?
Gente, será que o Ultraman foi sequestrado de novo????
Parabéns Hello Kitty!!!
Tenho saudades!!!

quinta-feira, novembro 29, 2001

Porra, buceta, bosta, caralho, puta qui pariu. Quero ir emboraaaaaaaaaaaaaaa.
Caralho voador.
Eu nem contei que meu primeiro texto assinado foi publicado. É que na verdade eu achei esse texto muito ruim... Depois pensei, pensei e dava pra ter feito tanta coisa melhor. Mas, bom, isso foi o que saiu. Resolvi colocar aqui primeiro porque sou deslumbrada e exibida e segundo porque um dia ele vai sair do ar e eu não vou poder mostrar pra minha mãe.
Roubei do blogs do Sassê porque achei legal pra caralho:

O nível de stress de uma pessoa eh inversamente proporcional à quantidade de foda-se que ela fala. (...) Tem outros palavrões igualmente clássicos. Pense na sonoridade de "puta-que-pariu", falado sílaba por sílaba... (...) Os palavrões são as melhores palavras da língua portuguesa. "Pra caralho", por exemplo. Qual expressão traduz maior idéia de quantidade do que "pra caralho"? "Pra caralho" tende ao infinito, é quase uma expressão matemática, física. A Via-Láctea tem estrelas pra caralho, o Sol é quente pra caralho, o universo é antigo pra caralho, entende? O "foda-se"? Existe algo mais libertário do que o conceito do foda-se? O foda-se aumenta minha auto-estima, me torna uma pessoa melhor. "Não quer sair comigo? Então foda-se.". O direito ao foda-se deveria estar assegurado na constituição brasileira. Liberdade, igualdade, fraternidade e foda-se.

Dona Nenê

Dona Nenê
Madame Gaspar
Foram se encontrar no Peg-Pag
Zig-Zag de carrinhos pelo super
Dona Nenê comprava em pedra
Madame Gaspar comprava em pó
Olha quem vem lá!
O Seu Ervilho
pilotando o seu carrinho audacioso
Calma Seu Ervilho
Correr tanto assim é perigoso!
Liquidação
Secção de tecidos
Todas as senhoras em euforia
Quando de repente ouviu-se um grito!
Dona Nenê desapareceu
Madame Gaspar já tinha ido embora
O que teria acontecido com dona Nenê?
Onde andaria agora dona Nenê?
Surpresinha.
Ontem a Lu chiquérrima foi entrevistar o Branco Mello e trouxe em primeira mão um CD muuuuuuuuuuuuuuuuuito delícia. São vários caras, tipo o D2, a Elza Soares, o Rodolfo crente, e o Branco, claro, cantando umas músicas pra criança. Mas não são aquelas letras retardadas e as músicas são muito legais. Ouvi quatro vezes hoje!
O que me deixou mais feliz foi que é o Rodolfo crente feio amor da minha vida que canta "Dona Nenê", que eu adoro. E ele parece ter cuspido o ovo quente que tinha na boca e não deixava a gente entender o que ele cantava, porque sua dicção está perfeita.
Na verdade não quero nem ficar falando muito e nem quero que mais ninguém escute!!! Não aguento mais os chatos de plantão que ficam falando mal de tudo. Bando de mal comidos!!!

quarta-feira, novembro 28, 2001

Jogador pode ser suspenso por morder genitália do companheiro de time

Meu deus... em que mundo nós estamos???

Conforme prometido para o Ander, foto do homem mais bonito do mundo. Junto com os outros 348 homens mais bonitos do mundo, claro:

Qual é a marca do seu coração?

A mãe tinha 3 filhas. No dia do casamento de cada uma, ela pediu que cada filha mandasse uma carta contando como estava a sua vida sexual.

A Primeira a casar enviou a carta dois dias após o casamento. No papel, apenas uma palavra: "Coca-Cola". confusa a princípio, a mãe finalmente viu num jornal um anúncio da Coca-Cola que dizia: "SATISFAÇÃO ATÉ A ÚLTIMA GOTA". E então ficou feliz.

A segunda filha casou e uma semana depois enviou uma carta que dizia: "Marlboro". Já escolada, a mãe procurou um anúncio do cigarro Marlboro que dizia: "EXTRA LONGO, KING SIZE". E ficou feliz.

Quando a terceira filha casou, a mãe ficou ansiosa para receber a carta da caçulinha. Demorou 4 semanas para chegar a carta. Quando finalmente chegou, trazia escrito: "Varig". A mãe ficou preocupada e procurou freneticamente um anúncio da Varig, em todos os jornais que tinha em casa. Finalmente achou um e desmaiou logo após lê-lo. o anúncio dizia: "TRÊS VEZES POR DIA, SETE DIAS POR SEMANA, NAS DUAS ROTAS".
Olha mãe! O Jairzinho!
Vcs não imaginam as pechinchas que eu arrumo no comércio informal.
O ônibus que eu pego, o Vila Gomes, tem muito disso. Todo dia um cidadão com uma oferta diferente. Só essa semana já comprei:
2 sufré (suflair) um real
5 pacotinhos de pastilhas garoto de hortelã
1 cartão postal da Anne Guedes (aquela moça que tem mania de colocar bebês dentro da couve-flor)
1 pacote com três biscoitos waffle de chocolate da marca "Palhacito"
3 pacotes de bala de goma
1 chaveiro da mônica com luzinha
1 mini-árvore de natal
1 porta-retrato de latão totalmente artesanal que vinha com um cartão de papelão escrito "sou crente sarado" (que eu gentilmente cedi para o Stimpy)
1 adesivo autocolante com os dizeres "vivo em cristo, drogas tô fora", gentilmente cedido para a Lu.
Mas eu não faço isso por caridade. Eu faço isso porque estou guardando todas essas coisas, que eu comprei com um réal ou um passe, para montar minha lujinha de 1,99. Imagine só o lucro que eu num vou tirar????

terça-feira, novembro 27, 2001

Maldito Buffy, o caça-vampiros.
Gente, o CD do Supla é muito engraçado. Sabe de chorar de rir??? Sair rolando? Assim.
E tem até uma música pra ajudar na campanha da dona mãe do Supla, que é assim:
"Vamos lá, vamos melhorar
Fazer de Sampa um melhor lugar"
Praticamente um jingle
Eu também não acredito mas estou ouvindo o CD do Supla. Ai, deus...
Esses humanos que circulam...
Isso aqui é muito engraçado.
Igualzinho ao Show de Truman!!!
Eu já desconfiava, mas agora tenho certeza.
Sou uma deliciosa, inebriante e contagiante... sífilis!!!

Take the Affliction Test Today!

segunda-feira, novembro 26, 2001

Deus, let me go!!!!
Oba!!!
Tou adorando essas novas descobertas!!
Vingancinha, vingancinha!!!
HAHAHAHAHAHAHA
Maravilhoso!!!
Pau no cu do tapinha nas costas!!!
ô dureza. sexta fiquei bêbada com os colega da firma de novo. Isso porque eu já tinha jurado e feito promessa que nunca mais ficaria bêbada com os colega da firma. A culpa é toda do bitchola, que faz drinks docinhos e fortes. Mas acho que dos vexames o menor.

sexta-feira, novembro 23, 2001

Outra dúvida: por que essas merdas de horóscopo tem mania de achar que capricorniano gosta de trabalhar? Meu horóscopo só fala de progresso, profissão, dinheiro, trabalho, trabalho, trabalho, que saco!!!
Uma perguntinha boba, pura curiosidade: por que alguém lê coisas como essa tal de Jackie Miller???
Gente, aquilo é um cu!!!
"Fulano escreveu no blogs"
"Sicrano espirrou"
"Beltrano peidou"
Ora, vai se ocupar né?

quinta-feira, novembro 22, 2001

Que leseira. Quero ir embora pra casinha dormir e assistir "O Clone", não necessariamente nesta ordem.
Sim, eu gosto de novela. E daí? Vai encarar?
Gosto de novela e de seriados enlatados. Os da Sony, assisto quase todos do horário nobre. Agora, por causa do Friends e Plantão Médico, passei a assistir alguns da Warner também. Gamei nunzinho lá que se chama "Dead Last". Cafooooona até morrer, mas delícia. E tem um menino loirinho meio gordinho que eu sonho com ele toda noite. Com ele e com o Pacey, claro. Amo o Pacey. Queria casar com ele.
Não estou mais falando coisa com coisa né? Acho que eu vou embora. Um beijo, tchau.
Desconfio que "pessoas indesejáveis" andam lendo estas linhas.
Num quero, sai, sai.
Sacanagem...
Fiquei o dia todo esperando pela cerimônia do Mr. Hankey e nem rolou nada. Isso está ficando cada dia mais desinteressante.
Poxa, como vcs são ruins... eu aqui falando que é aniversário do blogs e só a kelly teve a decência de me mandar um e-mail. Escreve aí gente, eu tou carente!!!
Uia!!!
Hoje é aniversário desse singelo meigo e róseo blog. Há um ano eu escrevi: "Acabo de penetrar o mundo virtual. Mas péraí que não sei mexer direito nessa porra".
O Bamerindus é que tinha razão... O tempo passa, o tempo voa!!!

terça-feira, novembro 20, 2001

Outra bandinha que eu não-queria-falar-porque-todo-mundo-tá-falando mas que é muito legal é o tal do Strokes. São uns menininhos que usam roupas para ficar parecidos com Ramones e fazem tipo de maus, mas fazem um som bacana. Tipo uma coisa meio Stooges, meio MC5, meio Nirvana.
Indicação do Rafa, o menino-indie.
Siiiiiim!!!
Estou matriculada na auto-escola, até-que-enfim-amém-jesuis!!!!
Sexta-feira eu estava em casa esperando a hora de sair e fiquei assistindo o Globo Repórter. Passou uma matéria que mexeu comigo deveras...
O programa falava sobre pessoas que viram sua vida mudar radicalmente de uma hora pra outra. Daí mostrou um povo que largou tudo: profissão, dinheiro, carro, família, status, roupa bonita, badalação, e foi se enfurnar em praias paradisíacas. Mostrou Caraíva e a pousada da Duca, até!!! Fiquei vendo aquele povo queimado, dizendo que ainda tem preocupação, sim senhor, que eles se preocupam muito em saber se vai chover ou fazer sol no dia seguinte e pensei: que porra eu estou fazendo aqui?
Faz tempo, coisa de dois anos, que eu penso nessas coisas. Ir embora, largar essa vida que estou detestando tanto, ir viver no mato, montar uma pousada, um hotel, sei lá, em algum lugar onde eu possa andar descalça, de short, sem me preocupar em fazer cara bonita quando eu não estou com vontade, sem ter que fazer social pra gente escrota, sem ter que me apertar no busão ou andar em carro de vidro fechado com medo de assalto.
Eu sempre fui um bicho do mato. Não gosto de gente, não gosto de badalação, não gosto de regras de etiqueta. Enfim, tudo isso para dizer que agora eu tenho um objetivo na vida. Todo o dinheiro que eu ganhar daqui pra frente eu vou juntar, juntar, juntar e, daqui uns anos (poucos, eu espero) comprar um terreninho lá pros lados de Pouso. Erquer uma pousada modesta e simbora!!!
Quero deixar claro que os amigos serão sempre bem-vindos e pra eles eu faço precinho de ocasião.
Estou com saudades da Dani...

domingo, novembro 18, 2001

Plantão again. Mas hoje nem tá nada ruim porque o marido veio me fazer companhia. Melhor assim.

sábado, novembro 17, 2001

Vcs querem apostar quanto que o destaque que eu tenho que mexer (e que não mudou NENHUMA vez até agora) vai mudar as 23h55?
Meu Deus, começou a novela!!! Dá licença, tá? Fica a vontade que eu já volto.
Vcs tão notando que eu não tou trabalhando nadinha?
É, eu também notei.
E pra quem não sabe, o site do Gorillaz também é animal!!!! Dá pra ficar horas brincando e ouvindo músicas que não tem no CD. U-hu!!! Salvou meu plantão cocô!!!

PS: Mas se seu computador for lento, cuidado porque trava tudo.
Eu juro que resisti o quanto pude. Tava todo mundo comentando e eu quietinha, na moita, sem querer falar nada. Não gosto de modinhas, gosto de ser do contra e elogiar o que todo mundo fala que é ruim. Mas não dá mais. Gorillaz é ducaralho. Bom demais. O Gordo me deu o CD e eu não consigo parar de escutar. Além das famosas "Clint Eastwood" e "19-2000", o CD está cheio de sons delícia, como "Double Bass", "Rock the House" (parece um pouco as musiquinhas que tocavam no Jive) e, principalmente, a maravilhosa "Punk". Uma mistureba do capeta que deu certo e fez muito bem pros meus ouvidos judiados.
E já que estou destilando minha ira, me diga gente: tem coisa pior que porcadm???? Tem??? Os viados aproveitam sua ausência no feriado, mexem no seu computador inteiro, desligam ele da tomada e não ligam de volta, bagunçam sua mesa, só falta cagarem no seu teclado. ô racinha filha da puta. Quando Deus fez os porcadm ele deve ter dito: "porcadms, povooem a terra, semeiem (?) a discórdia e o ódio e façam da vida dos trabalhadores um verdadeiro inferno. Olhem para todos com ar superior e contem piadas envolvendo computadores, Bill Gates e bonecas infláveis. Mas tanta maldade terá seu preço, porcadms: Eu digo que vocês jamais comerão alguém. Vão satisfazer seus impulsos primitivos com fotos baixadas da Internet e só. Vão ser chatos e terão mau-hálito. Assim disse Deus e assim será. Amém".
Quando caí na idiotice de fazer faculdade de jornalismo já devia saber que ia ficar me fodendo aos finais de semana e ter uma vida de ameba. Mas fingi que não sabia e fui empurrando com a barriga. Hoje estou aqui, no meio do feriado, com todas as luzes apagas e sem ar condicionado (apagão urgente).
Mas estou conformadíssima, numa boa, ouvindo umas coisas legais que trouxe de casa, jogando o pinguim, lendo blogs e tal. Numa nice mesmo. Até que algum filho da puta lá embaixo, querendo fazer a vida dos outros infeliz como deve ser a dele, colocou um CD do Iron Maiden pra tocar no último volume como se estivesse sozinho na firma. Acho que o descarado nunca ouviu falar em fone de ouvido. Liguei a televisão no jogo do São Paulo no volume mais alto. E agora começou a padroeira e ele vai ter que ficar ouvindo. Há!

quinta-feira, novembro 15, 2001

Como já disse, sou chique no úrtimo. Hoje descobri que sou mais chique no úrtimo do que eu pensava. Tenho um amigo que é filho do prefeito. Filho da primeira-dama!!! Na verdade é ex-prefeito, mas mesmo assim vale. Sassê, vc é a própria finesse, não precisa esconder.
Eu não sou muito chegada em teatro, então nem posso ficar metendo demais o bedelho. Mas tem uma coisa que eu sinceramente não entendo. Por que quando tiram foto de um ator de teatro atuando ele sempre aparece sentado no chão, com uma expressão indefinida - um misto de êxtase, dor e incompreensão - os olhos arregalados e as mãos abertas para cima, com cara de "por que, meu deus"?
Por favor, me digam.
Fantástico esse texto do Marcelo Rubens Paiva sobre a "Casa dos Artistas".
Então, feriado e vc tem que ir na firma. Um saco, preguiça, sono, calorzinho gostoso e tal. Mas vc tem que ir. Chega lá e fica com aquela cara de cu porque queria estar em qualquer outro lugar. Daí vc olha pro seu fone de ouvido, ele olha pra vc, rola um clima e vc põe o fone. Seleciona "Putas Fever", do Mano Negra, pra ouvir. De repente um mundo mágico se abre e vc esquece de tudo de ruim e começa a mexer os ombrinhos. Em cinco minutos vai estar de olhos fechados, sacolejando toda a parte superior do corpo e cantando horrores. Quando tocar "Mama Perfecta", "Santa Maradona" "On Telephon" e "Rock Island Line", então, você vai chorar. Vai por mim. Mudou minha vida.

quarta-feira, novembro 14, 2001

Ufa! Até que enfim as coisas melhoraram... Dia delícia o de hoje.
Puts. Tou cada dia mais chique no úrtimo, nem eu me aguento assim. Hoje fui na minha primeira cabine. Sabe que filme? Sabe? Sabe?
Harry Potter e a Pedra Filosofal, simplesmente. Esperei o ano inteiro por esse filme e fui ver na cabine. Ai, ai. Valeu cada minuto de espera, o filme é simplesmente ducaralho. Pra quem gosta de Harry Potter, já leu todos os livros, entrou em todos os sites e leu todas as reportagens, claro. É muito absurdo, os caras foram totalmente fiéis ao livro, escolheram atores exatamente iguais aos personagens e não pouparam fita: são quase três horas de filme, mas a história fica clara para quem não leu e não deixa nada a desejar pra quem leu. Quase chorei de emoção.
Uma única reclamação: a cicatriz do Harry tá muito pra esquerda!!

terça-feira, novembro 13, 2001

Tudo bem, não todos. Só aqueles que eu odeio e também aqueles que eu não amo. Já vão tarde.
Odeio gente.
Tenho horror à gente.
Tenho nojo de gente.
Morram todos

sexta-feira, novembro 09, 2001

Apoio total e irrestrito à campanha do Ultraman

Eu não gosto de você
Skamoondongos


Sorriso amarelo
tapinha nas costas
Como vai a família?
Vai bem, obrigado
Como vc cresceu!
Obrigado titia!
Passa lá em casa
Me liga qualquer dia

Eu não aguento tanta hipocrisia
Só te trato bem porque é da família
mas a verdade é que eu não gosto de você!!

Chega o meu chefe
digo bom-dia
a mesma piada
ele conta todo dia
Aguento cara feia
Palavrão e gritaria
Trabalho feito um cão
Ganho uma mixaria

Eu não aguento tanta hipocrisia
Só te trato bem pela hierarquia
mas a verdade é que eu não gosto de você!!
Em resposta aos que não entendem por que a gente fuma e ficam tentando entender:

"Os fumantes concordam até que o fumo é um vício idiota. Mas persistem em fumar porque têm uma virtude ainda mais idiota: a da liberdade".

Do não-fumante Millôr Fernandes
Esta é a minha vida:

Segunda-feira 13
Skamoondongos


Pela manhã,
logo ao despertar
sinto que tem
um gato preto a me olhar

Coloco os pés no chão
e tenho a certeza
Que esse é o dia então
porque
porque

Segunda-feira é um dia de amargar
Segunda-feira 13
é meu dia de azar

Nessa alegria
me visto atrasado
Disparo, pego um ônibus
Com certeza é o errado

Chegando ao trabalho, aquela surpresa
o chefe com a macaca
em cima da minha mesa

Segunda-feira é um dia de amargar
Segunda-feira 13
é meu dia de azar

Vou almoçar
Num bar bem fuleiro
Meu último trocado
rolou pelo bueiro

Minha namorada
me mandou um cartão
me deu um pé na bunda
foi morar com um sapatão

Chego em casa
e a TV tá quebrada
E pra comer
na geladeira não tem nada

Dormindo só
de barriga vazia
Sorrindo porque
amanhã é outro dia
Eu gosto pra caramba de Skamoondongos. A banda até já acabou, mas eu acho muito legal ter uma banda brasileira de ska, que assume que toca ska. Porque Paralamas tocava ska no comecinho, mas o povo prefere dizer que era "pop". Skank tem um monte de cópias descaradas do Specials, até o Barão Vermelho tem plágios de bandas de ska americanas. E os pilantras não botam crédito em lugar nenhum do CD nem fazem questão de dizer de quem copiaram a música. Esses caras não, eles assumem e, quando copiam o som de alguma banda gringa, colocam os créditos. E além disso, o vocalista do Skamoondongos pegou meu telefone uma vez. Nunca ligou, mas pelo menos pediu e demorou uns 40 minutos para falar que era o vocalista da banda (não era exibido). Por isso, vou postar umas musiquinhas deles hoje, que eles merecem

quinta-feira, novembro 08, 2001

Hoje só amanhã.
Hahahaha, alguém chegou no blogs pelo Google, procurando por "chefe escroto".
Adorei.
Não resisti. Esse é o anúncio da Libertas, que peguei num bar outro dia:

"Uma instituição que nasce não para defender o cigarro propriamente dito, mas sim para combater a patrulha antitabagista que pretende nos tratar como adultos infantilizados, sem direito à liberdade de escolha e ao livre arbítrio"

É isso aí.
Não existe raça mais chata, pentelha e xexelenta do que ex-fumante. Ô bando!!
Ex-fumante não pode ver ninguém acendendo seu cigarrinho que já vem falar do mal que faz fumar, de como ele está melhor agora e praticando muitas atividades físicas, de como é bom ter o hálito fresco, que nunca mais beija ngm que fume porque é como lamber cinzeiro e de como odeiam o cheiro e a fumaça do cigarro. Ora, vão todos se foder. Eu acho que eles tem é saudade do tempo em que eram felizes com toda aquela doce fumacinha ao seu redor e são uns frustrados. É que nem crente, sem tirar nem pôr. Conheço uns dois ou três ex-fumantes legais, que não enchem o saco. Eu já fui uma ex-fumante e odiei. Voltei pro vício sem remorsos. Se vc também tem um ex-fumante (ou um anti-tabagista convicto pentelho pra caralho) na sua cola, visite a Libertas. Pela liberdade de enfumaçar.
Outra coisa que me irrita na calor: saia. Eu uso saia como qualquer outra dama. Só que só uso quando tá calor e do meu jeito: com tênis all star verde. Mas basta eu botar uma droga de uma saia num dia de calor para TODO MUNDO olhar para mim como se eu fosse um ET de Varginha e dizer: "Ai meu deus do céu, ela tá de saia". Qualé? Nunca viram não? Que saco!!
Ah, o calor. Época de roupa fresca, chinelo de dedo, ventilador, suor, pele oleosa e... espinhas. Bosta, já estou parecendo um adolescente punheteiro de novo. Eu não tenho mais idade pra isso né?
Ontem fui assistir "Os Outros".
Puta queo pariu.
Só digo uma coisa: levem fraldões.

quarta-feira, novembro 07, 2001

A Oração da Mulher

Querido Senhor:

Neste dia de hoje, até o momento, eu estou fazendo tudo certinho. Eu não
fofoquei, não perdi meu temperamento, não fui avarenta, nem mal humorada,
sórdida, indolente ou egoísta. Eu não lamentei, amaldiçoei ou comi qualquer
chocolate.

Porém, eu vou me levantar da cama em alguns minutos e eu precisarei muito
de sua ajuda depois disso.

Obrigada Senhor!
Caro senhor Lavieri:

O post sobre sua foto suspeita sumiu, mas a foto continua cá comigo. Se aquilo é um dark room ou não eu não sei porque nunca frequentei essas boates de boiola. Sei que era um lugar escuro, estava escrito MASSIVO no letreiro e tinha um monte de homem esquisito atrás de vc, segurando na sua cintura. E não era bem um topete que vc tava usando.
Tô tão feliz que o Friends voltou... Rachei muito o bico ontem.
Na verdade não sei se é a série que é muito boa, se as outras séries que são muito ruins, ou se eu que sou muito boba de amar tanto aquilo.
25 de maio de 2001, terça-feira:

"Alô, é da dona Auto Escola Liberdade?"
"Sim, pois não?"
"Eu preciso pegar uns documentos aí para me tranferir para a auto escola objetiva, que é facinho de passar, como eu faço? Tem que marcar hora?"
"Mas por que a senhora vai fazer uma coisa dessas??? Continue sendo nossa cliente e eu te dou 80% de desconto!"
Preguiça-preguiça-preguiça
"Tá bom, eu vou pensar"

16 de junho de 2001, quinta-feira
"Alô, é da dona Auto Escola Liberdade?"
"Sim, pois não?"
"Eu preciso pegar uns documentos quando eu posso ir? Tem que marcar hora?"
"Mas por que a senhora vai fazer uma coisa dessas??? Continue sendo nossa cliente e eu te dou 100% de desconto e um doce de abóbora"
"Não, brigada, vou mesmo transferir."
"A senhora sabe que essa auto-escola tem nome sujo na praça?"
(Momento de dúvida)
"Sei."
"Nossa, tem louco pra tudo mesmo. Se é assim, pode passar aqui quando quiser, é só chegar e pegar o documento."
"Oba!!"

Preguiça-preguiça-preguiça

22 de agosto de 2001, sexta-feira:
"Olha, dona Auto Escola Liberdade, tou ligando só para avisar que amanhã passo aí"
"Ah, nem perca seu tempo, amanhã o homem do documento não tá aqui."
"Como não??? Me disseram que eu podia ir qualquer dia"
"É. Qualquer dia menos sábado"
"Merda"

Preguiça-preguiça-preguiça

06 de novembro de 2001, terça-feira
Chego em casa e tem uma carta da auto-escola liberdade dizendo que minha papelada vai vencer e que se eu quiser fazer aula lá eles me pagam 100 real por mês, mais o vale transporte
"Pai, amanhã a gente TEM que ir na dona Liberdade!!!!"

07 de novembro de 2001, quarta-feira
"Bom dia, vim buscar meus papéis"
"Pode esperar aí. O homem do papel não chegou ainda. Mas se em vez de se tranferir vc fizer aulas conosco, nós lhe daremos 100 real, mais vale-transporte, mais um dormitório Bartira. Fora o doce de batata-doce."
"Não quero!!!!! Quero o meu papel e quero já!!!"
"Desculpe, mas pegar o papel não é o meu serviço. É serviço do moço do papel, que ainda não chegou"
"Mas me disseram que ele chegava às oito. Já são 9h15. Cadê ele???"
"Olha minha senhora, eu não sei da vida dele, ele já devia ter chegado mas não chegou"
"Isso é uma vergonha, vcs são uns picaretas, uns bandidos, quero o meu papel, tenho que ir trabalhar, vou perder o ônibus, peloamordedeus me dá o meu papel."
"Não posso. Não é da minha alçada. Espera o moço do papel chegar. "
"Paiê, ele não quer me dar o papel."

Paizinho entrou, impôs respeito e agora, finalmente, posso me matricular na maravilhosa auto-escola Objetiva. Ai, ai.


terça-feira, novembro 06, 2001

hummm, quero ir emboraaaaaaaaaa.
A quem interessar possa, o meu é o Zacarias.
Faltam duas horas.
"O Trapalhão com o qual eu mais me identifico é o Mussum"
Luciana Etzel
Faltam 4 horas.
Hoje começa a nova temporada de Friends.
E faltam apenas seis horas, diguiriguirigui!!!
"Se você esta se sentindo inútil, uma droga, uma pessoa imprestável, não serve nem como pano-de-chão, lembre-se de que um dia você já foi o espermatozóide mais esperto da turma" .

Autor desconhecido.

* Enviado pela Fe, de quem estou com muitas saudades.

segunda-feira, novembro 05, 2001

Esse cara é muito comédia.
Antraz é com ele mesmo!
Paulo Henrique Amorim no UOLNews, há pouco: "15 civils mortos". Civils.... Então tá.
Esse cara ganha centenas de milhares de dinheiros para falar para centenas de milhares de pessoas.
E ainda enchem o MEU saco por causa de uma droga de um vírus que não era vírus numa droga de uma legenda que ninguém leu??????
Ora, me poupe.
Agradeço também a todos (e foram muitos) que mandaram dicas de como combater os malefícios do terrorista Malama bin Lavin. Prometo contar os resultados...
Agradeço a todos que me enviaram e-mail explicando que vírus e bactéria NÃO é a mesma coisa. Que um é grande outro é pequeno, que um é unicelular e o outro acelular, que um dá gripe e o outro dá Antraz. (E que ele tem o direito de dar onde quiser)
Valeu mesmo gente.
Eu realmente não sabia.
Cara, o que que é aquele programa do Sílvio, "Casa dos Artistas"????
Onde foi que o Sílvio Santos arrumou tanto loser pra botar junto????
Olha só a lista do povo que tenta, tenta, tenta, mas o máximo que consegue é mostrar a bunda na Sexy (ou na G):
Mari Alexandre (que entrou muda e saiu calada)
Bárbara Paz (Who? Uma que mostrou os peitucos naquele clipe ridículo do Titãs com o garoto Bombril)
Matheus Carrieri (esse tem sobrevivido só do salário da G mesmo porque trabalho que é bom...)
Patrícia Coelho (A mina gravou um clipe com o Marcos "eu sou o máximo" Mion. E ainda deu pra ele. Não preciso falar nada)
Alexandre Frota - o ser mais escroto da televisão brasileira. Depois do Sérgio Malandro.
E mais um monte de gente ridícula que não consegue nem fingir que está mesmo isolado do mundo. O que salva ali é o Supla, que em vez de dar depoimento, tosse na câmera.

quinta-feira, novembro 01, 2001

Bactéria e vírus não é tudo a mesma coisa?

quarta-feira, outubro 31, 2001

Lavi agora deu para ser o Joselito da vez. O "sem noção". Todos os dias, religiosamente, cumpre seu ritual: chega sorrateiramente com seu dedo-duro (veja bem, eu disse DEDO), posiciona-o estrategicamente e desce com força o dedão no meu ombro. Uma, duas, três vezes. Poucas coisas no mundo me tiram mais do sério do que cutucos no ombro (sim, eu falo cutucos mesmo. Não tá certo mas é mais legal). Já tentei atíngi-lo com bolinhas de papel, água, um abridor de carta e um grampeador. Nada funcionou. Já tentei cutucá-lo também, mas ele não liga. Estou desenvolvendo uma síndrome terrível, que me faz olhar para trás de cinco em cinco minutos e ter sonhos com cutucos no ombro.
Deixo aqui o meu apelo: o que eu faço para acabar com esse tormento? Eu sei que alguns amigos do maleta dão uma lida nisso aqui de vez em quando, por isso peço: socorro.
Vi o trailer novo do Harry Potter.
Não aguento mais esperar...
Melhor cobertura do Free Jazz: Fábio Sasseronnnn- designer, editor de textos, vestibulando e toxicomâno em potencial.
Justiça suspende a obrigatoriedade do diploma de jornalismo
Maravilha. Não podiam ter feito isso antes de eu passar 5 anos da minha vida trancada naquele cafofo, ralando continuamente para pagar?
Acho isso uma bosta. Faculdade não serve pra ensinar a profissão, pelo menos não jornalismo, eu sempre acreditei nisso. O pouco que eu sei - que segundo o Stimpy é dar copy-paste, aprendi trabalhando mesmo. Faculdade serve pra quatro coisas, apenas:
- Conseguir cela especial
- Experimentar drogas pesadas
- Ter umas experiências de vida bacana
- Conhecer amigos pra vida inteira

Mas o que vai ter de mané querendo dar pitaco em jornal agora é que vai ser foda. Tem muito nego por aí pensando que tem talento literário. E a gente vai ter que engolir.
Ainda não decidi se acho isso bom ou ruim. Agora acabou a exploração do jornalista pela lei bem louca, pelo menos.
Mas eu acho que vai virar obrigatório de novo logo, logo. Até parece que as faculdades vão deixar seus aluninhos debandarem com essa facilidade...
Engraçado gente que reclama do blogs dos outros né?
Se tá chato NÃO LÊ, caralho.
Tão simples, não sei por que complicar.
Lili-serviço badalação informa:

"O Santorão ficou do meu lado o tempo todo. E o cara nem é tudo isso, tá? Usa topete e mullets, como o Seinfeld. E tava com uma mina (bonitona, pero brega) que, depois q ele foi embora, ficou com outro cara tipo pit-boy.
Mas foi bom pra cair um mito: o Marcelo Serrado, q eu achava tudo de bom, é um trash bagaceira, q estava com uma loira brega demais, muito bêbado, se esfregando na pista.
Péssimo"


Eu vi a loira dele. Inclusive a Kelly empurrou a loira dele para a gente poder passar a mão nele. Vagaba no úrtimo mesmo. Mas meu... Eu amo aquele homem. De mullets, careca, fedido, de olheiras, até de sunga. Como vc mesma diz, eu piro nele.
Já o outro, acho que tem cara de mau-hálito, blargh.

terça-feira, outubro 30, 2001

Vcs sabiam que a minha semana só vai ter três dias?
Sim, a felicidade existe.
Enquanto isso o Gordo estava no show da Mix, aquela coisa xexelenta, cheia de adolescentes drogados que botam fogo nos banheiros e chutam outdoors machucando as criancinhas. Ele disse que a coisa não estava tão feia quanto apareceu na TV e ficou puto porque não conseguiu ver nenhum show que queria. Pelo menos o saldo foi positivo, para mim enquanto esposa: ele chegou à conclusão que é hora de progredir na vida e não quer mais se meter nesses programas de índio. Amém Jesus.
Sou uma pessoa muito chique no úrtimo agora. Fui ao free jazz, descoladíssima, e peguei na bunda do Rodrigo Santoro. Na verdade não deu nem pra encher a mão porque estava morrendo de vergonha, foi só uma pegadinha. Mas nunca mais lavo essa mão!!! que homem lindo meu deus do céu!!!
Mas voltando aos shows: fiquei até o final e, embora o fatboy não tenha tocado NADA do que eu conhecia, foi muito maravilhoso. Dancei feito uma epilética e nem fiquei com sono. Vi vários colunáveis e o show de graça do trio mocotó estava quase melhor que o dos djs. Cheguei em casa às sete e meia da manhã e acordei as sete da noite, ou seja, perdi meu dia de folga. Mas valeu a pena. Espero algum dia voltar a escutar do ouvido esquerdo.

domingo, outubro 28, 2001

Enfim, livre da clausura.
Agora vou lá curtir um fatboy delícia e amanhã FOLGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!
Liberdade, ainda que pouquinho.
Final de semana na firma sereve para ouvir todas as músicas do seu diretório de MP3 sem ter que parar para atender ao telefone ou responder ao chefe ou estorvar os webmasters. E é isso que estou fazendo. Descobri que tenho oito músicas de uma banda punk muito, muito legal e que não sei que banda é essa ou como essas músicas vieram parar aqui. Mistééééério...
Ói eu aqui de novo, ralando
ói eu aqui de novo, para ralar.
Mais um dia lindo de sol que passo confinada na firma.
Delícia.

sábado, outubro 27, 2001

Po, eu tava me achando muito transgressora-anarquista-contra-o-sistema-erre-agá por fumar na janela da banheiro quando vi uma bituca caindo láááááá de cima. Saco. Cabou com a minha rebeldia.
Para completar, ainda estou ouvindo "7-11", do Ramones.
Ai, ai...

(O que foi? Vcs não acham essa música mó romântica????? É praticamente uma "Iracema" - Adoniran Barbosa, seus ignorantes - punk. Adoro)
Sim, minha última postada foi brega, cafona, melosa, dramática e piegas. Mas foi sincera. E quem tirar sarro vai ter uma série de pequenas furunculoses na região glútea, dolorosas e feias, que quando estourarem virarão hemorróidas. Essa é a minha praga para todos vocês, gente sem amor no coração.
Além disso, estou feliz por outra coisa também, muito mais importante. Hoje faz seis anos que eu beijei meu Gordo pela primeira vez. Digo isso porque quando beijei ele pela primeira vez já era loucamente apaixonada por aquele homem há, pelo menos, um ano.
É muito louco você pensar que vai passar a vida inteira beijando a mesma pessoa e achar isso perfeito. E não enjoar nunca. E ainda se surpreender com as coisas que ele faz, e ainda morrer de ciúme, e ainda ficar preocupada se ele passa um diazinho sem ligar, e ainda ter saudade o dia inteiro.
Eu nunca pensei que isso fosse possível.
Obrigada meu amor, por provar que não só é possível como também é a melhor coisa do mundo.
Ai, voltei. Passou a crise. É que hoje é sabado, tá um sol liiiiiiiindo e eu e o Stimpy estamos confinados aqui no BOL, uma coisa muito triste. Mas até que não tá ruim, agilizei umas paradas minhas, fui fazer as unhas na hora do almoço, fumei na janela do banheiro (super transgressor meu gesto). Tou numa nice de novo.

sexta-feira, outubro 26, 2001

Tenho recebido e-mails perguntando porque eu sumi do blogs. Bom, a verdade é que a tendência é eu aparecer cada vez menos por aqui... Nem por falta de tempo nem nada porque eu acho que tempo, quando precisa, a gente arruma. Mas é que tenho andado muito chateada, irritada, confusa. Tenho me achado muito burrona, frustrada, enfim, um saco. E não quero, amanhã ou depois, ler o que eu escrevi e pensar: "credo, que coisa mais chata". Pra que eu vou querer ficar lembrando de coisas chatas? Não quero mesmo. E como tenho certeza de que daqui pra frente tudo só vai ficar mais e mais chato a cada dia, não vou escrever mais sobre essas coisas. Quando eu conseguir dar um jeito na minha vida ou a vida der um jeito em mim, talvez eu tenha coisas interessantes para contar de novo. Por enquanto, acho que vou ficar só nas piadinhas mesmo.

terça-feira, outubro 23, 2001

Contribuição da Kelly, para ver se eu saro da irritação de alta periculosidade. Tou mordendo quem chegar perto. Mas, enfim, sempre rir:

A professora pergunta ao Pedrinho:
- Pedrinho, do que você tem mais medo?
- Da mula-sem-cabeça, fessora.
- Mas Pedrinho a mula-sem-cabeça não existe, é apenas uma lenda, você não
precisa ter medo.
- Mariazinha, do que você tem mais medo?
- Do saci-pererê, fessora.
- Mas Mariazinha o saci-pererê não existe, é apenas uma lenda, você não
precisa ter medo.
- Joãozinho, do que você tem mais medo?
- Do Mala men, fessora.
- Mala men?, nunca ouvi falar, quem é esse tal de Mala men?
- Quem é eu tambem não sei fessora, mas minha mãe sempre quando reza de
noite ela diz : " .. Não nos deixeis cair em tentação mas livrai-nos do Mala
Men..."
Ditado do dia:

Quem ama o feio é cego.
Lavi desvendando o segredo das mulherzinhas:

Muito legal essa história de tomar no mínimo dois litros de água por dia. Mas esqueceram de avisar sobre as oitocentas mijadas que você é obrigado a dar... Vou comprar uma sonda.
Hoje, definitivamente, eu não estou com o menor saco para brincadeirinhas.

segunda-feira, outubro 22, 2001

Momento madrinha descontrol: comprei um uniforme do São Paulo completo pro Mateus. Camiseta, shortinho e meião. Ele vai ficar tão liiiiiiiiiiiiiiiiiiiiindo!!!! Vou tirar um milhão de fotos e levar ele no estádio todo mês.
Eu tenho uma prima que é muito nóia. Vive entrando e saindo de clínicas de reabs. Eis o tipo de diálogo que rola na minha casa sobre o tema:
Eu: Mas ela é viciada em que, afinal?
Meu pai: Em maconha, é lógico.
Eu: Mas pai, maconha não vicia.
Pai: Isso é papo de maconheiro.
Passa minha mãe me cutucando e piscando o olho tipo uma doente de Parkinson e eu me calo, resignada. Santo Deus.
Mais uma da série "coisas surreais que eu só vejo nas arrancadas em Interlagos". Na última corrida que teve o mês passado o Gordo ficou frente à frente com o Maluf. Sim, aquele mesmo, aquele ilustre filho da puta que foi até o autódromo dar umas voltinhas em seu porshe-super-luxo-raríssimo-e-carérrimo.
Pois bem. Ontem teve corrida de novo e eu fui porque o marido ia correr e foi então que eu vi a cena mais insólita da minha vida: um Fiat 147 deu pau numa Mercedes!!! DUAS VEZES!!!!!! Na terceira o motorista da Mercedes, mais puto do que tudo, ferveu o carro e ficou lá parado na pista vendo sair fumaça do motor enquanto o 147 cruzava, mais uma vez, a chegada.
Nunca subestime o poder de um turbo, definitivamente.
Ditado do dia:

Em terra de cego quem tem um olho é caolho.

sexta-feira, outubro 19, 2001

Isadora me informa que acabou de encontrar com seu Carlinhos Marrom e que ele nada tem a ver com o Lenny Kréviz. Pra mim os dois continuam sendo exatamente iguais, só que um com barba e o outro sem.
Estresse de cu é rola, viu.
Saco.

PS: Até que dessa vez o de cu é rola fez algum sentido.
Trabalhar 12 horas contínuas no sábado e no domingo: duas folgas
Comer na mesa da firma porque não deu pra sair: uma gastrite e algumas licenças médicas
Digitar dia e noite, noite dia: uma tendinite fudida e 5 dias de licença médica com o braço engessado
Receber encomenda de serviço às oito da noite, PRA HOJE, sendo que vc ainda tem 482 coisas para fazer: NÃO TEM PREÇO
Sabe aquele papo de que uma imagem vale mais do que mil palavras?
É verdade!
O Lavi contou uma história enorme em apenas uma linha de emoticons do MSN.
Ditado do dia:

Quem com ferro fere não sabe como dói.

quinta-feira, outubro 18, 2001

Ditado do dia:

Quem ri por último é retardado.

quarta-feira, outubro 17, 2001

Dizem que é cafona, chato, bobo, ultrapassado, feio, mas quem nunca associou uma musiquinha que seja do Legião à uma parte importante da vida que atire a primeira pedra. O povo com mais de 30 talvez atire um monte. Mas azar o deles, que passaram a adolescência nos anos 80. Eu já chorei horrores, de alegria e de tristeza, ouvindo Legião. A música-tema do meu casamento (uma delas, porque são várias) também é do Legião. Já curti dor de cotovelo, paixão platônica, pé na bunda. Tudo escondido porque eu era punk e não podia, de jeito algum, gostar de Legião.
Enfim, hoje eu gosto de lembrar que essa época era legal, embora não suporte o povo que fica berrando "Toca Legiããããão" toda vez que vê uma rodinha de violão (que, aliás, é o mesmo povo que fica berrando "Toca Rauuuuul". Ai que nojo). Nunca comprei CD deles (mas tenho todas as fitas!!!), não chorei quando o Renato-mala-Russo morreu, não fui no show. Mas que eles fazem parte do "Suzete Soundtrack", não posso negar...
Esse amigo do Stimpy tem a manha. Pago o maior pau pras coisas que ele escreve. Mas essa aqui realmente deixou meu coração em pedaços. É isso aí mesmo, tintim por tintim, sem tirar nem por... Espero que ele não ligue pro copy+paste descarado, mas o que é bom é pra ser divulgado:

Vida

Você vive sua vidinha, se achando o tal, o diferente. Aí vêm as responsabilidades, os compromissos, os laços invisíveis que te prendem a pessoas e lugares.

Você os recebe de braços abertos.

Você um dia descobre que seu relacionamento, seu amor do dia-a-dia tem uma música tema. E é a singela, simples, bela e mais do que significativa "O Mundo Anda Tão Complicado" da Legião Urbana.

Incrível? Pois é. Não é uma música obscura do lado B de um compacto bootleg do Velvet Underground ao vivo no banheiro do Andy Warhol. Não é uma música folk de uma cantora belga desconhecida morta de uma overdose de heroína em Amsterdam.

É "O Munda Anda Tão Complicado" da Legião Urbana. Simples assim. Puro e simples.

Puro e simples como eu quero minha vida agora.

Amadurecer é bom. Em verdade vos digo - amadurecer é bom.
Depois de um período poético e um tantinho deprê, KK volta com corda total. É assim que eu gosto de te ver, mina!!!
QUE PORRA ACONTECEU COM O STAT=CLEAR, STIMPY??????
SOCORROOOOOOOOOOO!!!!
Estou aqui de plantão até a meia-noite então foda-se, vou blogar até quando eu quiser.
Carina não para de me tirar porque ontem confundi o Lenny Kravitz com o carlinhos Brown na capa da TPM. Mas não é piada, eles são iguais.
Mas que balela!!!
Existe um outro Momento Descontrol na Internet!!!
E o que é pior: a mina fala "amorginho"; "ai ti saudade do meu amorginho"; "agola" (= agora); "Sauuu" (=tchau) e por aí afora.
Não vou dar link pra essa baixaria.
Muita vergonha.
Carta dos Super Amigos ao Presidente dos EUA:


Excelentíssimo senhor presidente da república George W. Bush

Nós, os Super Amigos® , buscamos através desta, esclarecer nossa ausência em
11/09/2001, dia do terrível atentado terrorista que assolou nossa querida
nação.

Os Super Amigos® sempre zelaram pela segurança dos EUA, mesmo nos momentos
mais difíceis de sua história e nossa ausência no fatídico dia 11 se deu
por uma infeliz seqüência de coincidências relatadas a seguir:

* O Super Homem está tetraplégico.
* O Batman e eu parceiro Robin não podem sair de sua jurisdição(GhotanCity).
* Mulher Maravilha não conseguiu achar seu avião invisível (provavelmente
foi seqüestrado).
* O Homem Aranha estava participando das filmagens do seu novo filme e se
encontra desaparecido até hoje.
* O Popeye estava internado por ter comido um espinafre transgênico.
* O Homem Fluído está com cirrose.
* O Jaspion está em tratamento psiquiátrico pelo trauma que sofreu por ter
sido trocado pelos Pokemons.
* O Chapolim Colorado não conseguiu visto para entrar no país e foi barrado
pelo departamento de imigração (la Migra).
* O Mandraque estava na Argentina tentando consertar a economia do país.
* Os Super-Gêmeos estavam tirando fotos para a revista G-Magazine.
* O Homem Borracha estava trabalhando em sua fábrica de camisinhas e
resolveu dar uma esticadinha.
* O He -Man , em virtude da atual crise de energia, não pode mais gritar "Eu
tenho a força!!".
* Os Power Rangers se aposentaram para formar a banda Backstreetboys.
* Os Thundercats também entraram para o ShowBizz e atualmente são chamados
de Bonde do Tigrão e lançaram uma música em homenagem as colegas falecidos
Lessie e Rintimtim chamada "Só as cachorra!!!".
* O Tarzan não chegou a tempo porque o primeiro cipó para NY só passava as
11:00hs.
* O Capitão Planeta estava salvando as baleias.
* O Shazan não foi localizado(suspeitamos que seja um dos seqüestradores)

E como se tudo isso não bastasse, o Lanterna Verde estava no Brasil ajudando
o um time de futebol chamado Guarani a escapar do rebaixamento.

Atenciosamente...
Os Super Amigos®
Nada mais cafona do que pessoas pretensamente bem-sucedidas.
Agora, todos os dias, publicarei um ditado que foi distorcido pelo falso moralismo em sua verdadeira forma. Em primeiro, vai o que eu acho o melhor de todos:

Quem dá aos pobres, paga o motel
Caralho, são duas e meia da tarde, estou com um sono dos diabos e hoje eu vou ficar aqui até a meia-noite. Ai, tristeza.
Odeio papo de firma. Odeio falar de empresa, colegas, page views, otimização, servlet, padrões, atachado, prazos. Odeio almoço de negócios. Odeio uma hora apenas de almoço.
Adoro papo de firma. Adoro falar da paulista, dos namorados da Alexandra, do meu medo do Stimpy, da contratação do Rafa, dos Garotos Podres, da festa no heliporto do UOL, da viagem pra Brotas. Adoro quando a chefia fica de pilequinho e senta na nossa mesa (meros mortais) e diz que a gente é muito mais legal, ou quando o Big Boss não deixa a gente voltar pro trabalho alegando que ele é o chefe e ordena que a gente fique lá bebendo. Adoro saber que já faço parte da velha guarda.
Tem muita coisa legal aqui ainda e, apesar dos pesares, eu ainda me divirto horrores.

terça-feira, outubro 16, 2001

Como manter um nível saudável de insanidade:

1) No seu horário de almoço, sente-se no seu carro estacionado, coloque seus óculos escuros e aponte um secador de cabelos para os carros que
passam. Veja se eles diminuem a velocidade.
2) Insista que o seu e-mail é Xena.Princesa.Guerreira@nomedaempresa.com.br ou Elvis.O.Rei@nomedaempresa.com.br. ou ainda Jon.SeuNome.Jovi@nomedaempresa.com.br.
3) Sempre que alguém lhe pedir para fazer alguma coisa, pergunte se quer que fritas acompanhem.
4) Encoraje seus colegas de sala para fazer uma dança de cadeiras sincronizada com você.
5) Coloque a sua lata de lixo sobre a mesa e escreva "Entra" nela.
6) Desenvolva um estranho medo de grampeadores.
7) Coloque café descafeinado na máquina de café por três semanas. Quando todos tiverem superado o vício da cafeína, mude para expresso. Fazer isso repetidas vezes.
8) No canhoto de todos os seus cheques escreva "Ref. favores sexuais".
9) Sempre que alguém lhe falar alguma coisa, responda com "isso é o que você pensa".
10) Termine todas as suas frases com "de acordo com a profecia".
11) Ajuste o brilho do seu monitor para o que o nível dele ilumine toda a área de trabalho. Insista com os outros que você gosta desse jeito.
12) Não use pontuações.
13) Sempre que possível, pule ao invés de andar.
14) Pergunte às pessoas de que sexo elas são. Ria histericamente depois que elas responderem.
15) Quando estiver em um drive-thru, especifique que o pedido é para viagem.
16) Cante junto na ópera.
17) Vá a um recital de poemas e pergunte por que os poemas não rimam.
18) Descubra onde o seu chefe faz compras e compre exatamente as mesmas roupas. Use-as um dia depois que o seu chefe usá-las. Isso é especialmente efetivo se o seu chefe for do sexo oposto.
19) Mande e-mails para o resto da empresa para dizer o que você está fazendo. Por exemplo: "Se alguém precisar de mim, estarei no banheiro, na cabine #3".
20) Coloque uma tela de mosquitos ao redor do seu cubículo. Toque um CD com sons da floresta durante o dia inteiro.
21) Com cinco dias de antecedência, avise seus amigos que você não pode ir à festa deles porque não está no clima.
22) Ligue para o CVV e não fale nada.
23) Faça seus colegas de trabalho lhe chamarem pelo seu apelido, Duro na Queda.
24) Quando sair dinheiro do caixa eletrônico, grite.
25) Ao sair do zoológico, corra na direção do estacionamento gritando "Salve-se quem puder, eles estão soltos!".
26) Fale para o seu chefe "não, são as vozes na minha cabeça".
27) Na hora do jantar, anuncie para os seus filhos: "Devido à nossa situação econômica, teremos de mandar um de vocês embora".
28) Todas as vezes que você vir uma vassoura, grite "Amor, sua mãe chegou!".

segunda-feira, outubro 15, 2001

Por que será que quando vc anda muito de barco, quando vc volta tudo continua balançando igual quando vc tah dentro do barco????
Praias maravilhosas, cerveja geladíssima, som da melhor qualidade, peixes deliciosos, pessoas - em sua maioria - amadíssimas, gargalhadas à beira da fogueira, exfoliante natural, banhos gelados e uma madrugada temerosa na estrada. Depois de um puta final de semana, o que mais me marcou e estou recordadando a cada segundo é essa DOR FILHA DA PUTA no corpo inteiro... MALDITA TRILHA.

quinta-feira, outubro 11, 2001

Eu vou;
Eu vou
pra ilha agora eu vou
Lalalala-la
Lalalala-la
Eu vou, eu vou, eu vou

quarta-feira, outubro 10, 2001

Olha o povo da caceta mercantil botando a boca no trombone!!!!
Não podia existir alegria maior: o Ross é mesmo o pai da criança.
Isso que dá comemorar antes da hora. Tá trovejando horrores. Merda.
Republiquei meus arquivos e comecei a ler as coisas velhas. puts, eu era tãaao mais legal antes... Mas também minha vida era bem mais emocionante. E como ninguém lia mesmo, eu escrevia tudo que vinha na telha. Acabei me vendendo pra audiência. ê laiá.
Esse Wally foi uma das coisas mais engraçadas que eu já vi na Internet desde que comecei a usa-la. Eu e o Sassê até pensamos em uma iniciativa dessas semana passada, mas desistimos porque tava difícil. Mas a gente NUNCA ia conseguir fazer algo tão bom assim. Salve Wally.
Falta só um dia e meio. Calma.
O tempo tá abrindo.
Que lindo, que lindo, que lindo.

terça-feira, outubro 09, 2001

Descobri o jogo do pinguim.
Que coisa fantástica e maldita. Não consigo ir pra casa!!
Felicidade pura e plena. Lucila amada por todas as fibras do meu coração me ligou. Diretamente de Londres para a SenzalaBOL!!! Merda, que saudades!!! Pai do céu, faz ela voltar logo, faz?
Como sábios já disseram outrora, gente burra é uma merda. Mas gente burra, folgada e metida à malandra é uma merda descomunal.
Putaqueopariu.

segunda-feira, outubro 08, 2001

Eba!
Vou ter que ficar um mês sem beber e rezar um terço, mas vai valer a pena.
Obrigada, querido Deus.
Ai que raiva. Por que justo quando a gente tem viagem combinada, carro alugado, casinha alugada na ilha e tudo mais, estoura uma guerra idiota??? Hein??? Por que??? E o pior é que eu já vou perder o feriado de 02 de novembro, pelo mesmo motivo. Na verdade eu não peguei o plantão nesse findi, mas estou reclamando antecipadamente com medo de pegar.
Por favor, Deus, me livre dessa que eu fico um mês sem beber e ainda rezo um terço todinho.
Retroceder nunca, render-se jamais

Depois muito, muito, muito, muito tempo sem fazer nada decente nos meus finais de semana, fiz uma baladinha delícia na sexta, digna de uma mocinha da minha idade. Talvez um pouco menos, mas isso não importa. Fui ao show do Jorge Ben na USP, de grátis, com a Clau, o Jorge e todos os amigos hippies do Jorge. Típico programa dos primeiros dois anos de facul: encontro e cervejas no Puppy, pra aquecer, e dois busungos pra chegar na USP. Fazer xixi no matinho com as amigas fazendo cabaninha que não cobre nada. Passar o frio do cão que faz na USP e que nenhuma blusa é capaz de combater. Encontrar meu primo Gustavo bebaço. Correr dos caras bem loucos que saem do mato. Por fim, ver o sol nascer e ir pra padaria tomar mais cerveja e depois ir pra casa dormir as 07:30 da manhã.
Pode parecer um puta programa de índio, mas foi ótimo pra eu me lembrar de que não tenho 48 anos.

sexta-feira, outubro 05, 2001

Almoço bem legal hoje!
Conheci a Lili e outros amigos do Lavi. A Claudinha, malandra, já conhecia todo mundo. E o melhor de tudo foi que a gente não ficou falando de blogs em momento algum. Confesso que estava com medo de ser uma coisa meio nerd, tipo encontro de amigos virtuais. Só fizemos coisas boas, como falar mal de pessoas chatas e relembrar a Anaconda.
Siiiiim. É nóis na fita!!! Eu e a Lu em momento Kodak! E tem mais eu aqui. Tou me achando pra caralho.
Mais um da série "se vc quer rir, põe o dedo aqui". O Rafa que me mandou.

quinta-feira, outubro 04, 2001

A preguiça é um inimigo poderoso. Sempre vence. Que Antraz que nada. Deviam tacar uma bomba de preguiça no mundo.

quarta-feira, outubro 03, 2001

Não deu pra não plagiar:

Vi Right Said Fred na MTV ontem. Leio que os caras lançaram um novo single. Eu digo:


I'm too sexy for my blog
Too sexy for my blog
So sexy it hurts


And I'm too sexy for your mail
Too sexy for your posts,
your links and your tail (rimou?)


' Cause I'm a blogger, you know what I mean
And I do my little turn on the blogwalk
I'm a blogger, you know what I mean
And I do my little turn on the blogwalk


E desencana porque não vai ter foto sem camisa.

(Posted by Ultrablog at 5:08)







Alexal achou várias fotos antigas da firma. Todo mundo viu as fotos e ficou saudosista. A gente era feliz e o pior é que a gente sabia.
Eu pelo menos era, e muito: trabalhava de frente pro metrô, do lado da faculdade, do stand center e da compact blue. Trabalhava na Paulista. Ia almoçar no centrão da cidade com o Huan e a Ju. Quando a gente ficava até de madrugada, o patrão chamava a pizza. O fumódromo ficava no mesmo andar e sempre ficava lotado. Mesmo quem não fumava ia lá fazer um pit stop. Os meninos andavam descalços e faziam guerrinha de bonecos. Tinha gente que dava cambotas no meio da firma. A gente usava muito a expressão firma. Toda semana tinha bolinho com guaraná. A firma ficava pertinho dos botecos da faculdade e a gente podia ir lá tomar uns goles se a labuta estivesse chata. Eu conseguia chegar em casa à tempo de ver "Os Simpsons". Enfim, como já diria o Thaíde: Ah, que tempo bom, que não volta nunca mais...
Ainda sobre eu ser esotérica. Esse ano acho que fui só umas 2 vezes no médico e, mesmo assim, porque estava precisando muito. Eu consigo ficar 2, 3 anos sem ir no médico. Odeio médico. Em compensação, só esse ano já fui na taróloga duas vezes, na astróloga mais duas e em uma aula de relaxamento, pra conhecer. Pelo menos a minha alma tá super saudável. Já o resto...
Comprei um baralho de tarô. Me aguardem que agora eu vou saber tudo da vida de todo mundo. Minha astróloga disse que sou muito sensitiva.
Na verdade estou super esotérica. Tive um ataque consumista descontrol na lojinha, quase comprei um tapete de palha que nunca ia usar. É que eu preciso de muito equilíbrio interior, muita paz, muito hare-hare. Não quero nunca virar uma workaholic, que anda com muitas e muitas pastas debaixo do braço e o celular na orelha o dia inteiro, fumando 2 maços de cigarros por dia. Quero continuar sendo zennn, do tipo que é capaz de ficar 8 horas contínuas deitada na praia e que, na hora de tomar uma decisão importante, vai na astróloga.
NÃO é o meio que faz o monge.
<